quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

- Se enxugares as lágrimas alheias, não terás tempo para chorar ! (Anónimo)

24 comentários:

Osvaldo disse...

Caro JTorres;
Por vezes choramos depois.
Por mais que seja forte, um Homem também chora o que só enobrece a sua hombridade.
Um grande abraço, caro JTorres.
Osvaldo

Ana Maria disse...

Chorar faz bem.
Durma bem meu amigo.
Beijinhos de boa noite!

Denise Ceciliano disse...

Oi Xistosa!

Skol aqui infelizmente não tem, mas achei uma beem parecida que eu só bebo dela agora, tenho certeza de que você irá gostar!!Depois eu te mostro.

Gostei muito do post abaixo, do modo como você escreveu.Vai ser dura essa crise para os imigrantes, tem brasileirinho sofrendo muito com isso no exterior..

Beijos!

Beijos!

Vivian disse...

...olá moço!
que felicidades vê-lo cheio
de saúde passeando lá em casa,
dando seus palpites, e é claro
defendendo a classe masculina
que troca a coitadinha da
Hortencia pela Margarida,
como se troca de cueca...rsss

simples assim...rss

ai, ai


feliz em sabê-lo bem..

bjusss brasileiros

AJO disse...

Por vezes o melhor é mesmo não enxugar, mas chorar também.

Mariazita disse...

Um pensamento lindo, de grande profundidade.
Se amarmos o próximo com desprendimento, pensando apenas em praticar o bem, os nossos desgostos são relegados para um segundo (ou terceiro, ou quinto...) plano, e nem tempo temos para pensar neles.
Lindíssimo, digno de grande reflexão.
Obrigada, amigo Zé, por nos fazer lembrar uma tão grande verdade.

Grande abraço
Mariazita

xistosa - (josé torres) disse...

Osvaldo

Ainda há pouco tempo, num comentário que me deixaram, marulharam-me os olhos ... mas eu sou fraco do coração.
Ou serão os olhos?
Avida é completamente diferente em situações exactamente iguais.
Só o actor é que muda.

xistosa - (josé torres) disse...

Ana Maria

Pelo menos serve para colocar em funcionamento os canais lacrimais.
Sou retardatário a chegar aos comentários, não só pela diferença horária, mas porque não sou muito assíduo a este blog.
Vou acabar aqui.
Mais dia, menos dia, acaba.
Será o fim do "ucometa".
O tempo é curto ...

xistosa - (josé torres) disse...

Denise Ceciliano

Só há uma coisa que não gosto.
É de trabalhar ...
Por isso, ao fazer os anos de serviço necessário, "adiós mundo cruel".
Foi mesmo "tiro e queda".

Por isso, desde que o copo seja grande e esteja fresquíssima, "morre" qualquer uma ... não sou racista, religioso, de qualquer seita ou crença e mesmo no futebol tento não ser apaixonado.

A única paixão é a vida!!!

xistosa - (josé torres) disse...

Vivian

Talvez não acredite, mas conheço e sei o nome de quase todas as flores, (das vulgares).
Conheço mulheres que não distinguem uma margarida dum malmequer.
Mas uma Hortênsia duma Margarida ... nem digo mais.
Teria que insultá-la.
Depois insultava-me a mim!
Eu voltava à carga e ficávamos a insultarmo-nos ...
Posso ter trocado os nomes, mas as flores ... e ainda com a agravante de terem duas pernas, (serem femininas) não era mais possível.

Vou tentar aparecer mais vezes e ver quem troca o quê e como troca ...

Um abração de amizade!

xistosa - (josé torres) disse...

AJO

Não por solariedade ou outro motivo, mas que faz bem ... parece-me que faz ... e não digo mais, porque não gosto que me batam.

xistosa - (josé torres) disse...

Mariazita

Eu talvez escrevesse:
"amar a próxima, que a outra está gasta ..."
Não amo o próximo, porque nunca ando com fita métrica ...
Para sermos verdadeiros até só devíamos amar o que temos ao alcance ...

MENSAGENS AO VENTO disse...

_____________________________

...certíssimo!

Se deslocarmos os olhos, para além dos nossos umbigos, o Universo vai se ampliar em todos os sentidos!

Beijos no coração!

ps. tudo bem com esse coração?

_______________________________

xistosa - (josé torres) disse...

MENSAGENS AO VENTO

Mas o que podemos fazer com o olhar ...
Ver a imensidão de necessidades e necessitados ?
Chorar?
Enxugar lágrimas a quem e para quê?

ลndreia disse...

Estamos ocupados, não é verdade? *

Ana Maria disse...

Uma noite de muita tranquilidade, meu querido amigo.
Beijinhos!

São disse...

POdemos chorar enquanto limpamos as lágrimas de outrém...

QUE BOAS NOTÍCIAS AS SUAS E QUE ALEGRIA ME DERAM, PODE ACREDITAR!

Bom sábado, meu amigo.

xistosa - (josé torres) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
xistosa - (josé torres) disse...

ลndreia

Não há dois prazeres simultâneos e pela mesma ordem de ideias, dois momentos maus.
Ou será bom enxugar as lágrimas alheias, por qualquer dever, amor, prazer, obrigação ...?

xistosa - (josé torres) disse...

Ana Maria

Tenho mesmo que acabar com esta "casa",.
Não tenho tempo para visitar todos os locais e estou a tornar-me escravo.
Eu que lutei sempre pela liberdade.

Também uma boa noite, que aqui é quase de manhã ...

xistosa - (josé torres) disse...

São

Só poupamos tempo ... Porque o trabalho é o mesmo ... rsss, rsss, rsss
Obrigada pelo cuidado que tem demonstrado.
É a única maneira de agradecer-lhe o interesse manifestado.
Para já e digo já ... estou livre.
Mas vou fazer uma cintigrafia, para dizer a verdade, nem sei se na 2ª , se na 3ª feira.
Bom fim de semana.

ลndreia disse...

Acredito sim que será um dever! Pois acredito que que estamos aqui para podermos ajudar quem precisa. E as lágrimas são sinónimo disso mesmo. Obrigação já não digo! Nunca fomos obrigados a nada para estender a mão ao próximo. E já as obrigações, levam a actos não espontâneos, logo possuidores de pouca ou nenhuma vontade.
Por amos? Sim, acredito que sim! Não sou capaz de ver uma pessoa que amo a chorar!

Reforço a ideia que é apenas a minha opinião.

Beijo *

Multiolhares disse...

quando nos entregamos á dor dos outros a nossa fica mais suave
bom domingo

xistosa - (josé torres) disse...

Multiolhares

Já é segunda feira-
O domingo foi de chuva.
parece que só parou para o futebol.
Nem sei se choveu nessa altura.
Mas muito chova e nesta altura que é a própria.

Milagrosamente vim descobrir o seu comentário.

Eu não recebo os comentários por e-mail.
Não sei e além disso não quero censurar nada nem ninguém.
Por isso só um milagre é que mo fez descobrir.

Não sei, não gosto de partilar dores.
Penso que não tenho jeito para passar por impostor, por uma coisa que não sinto.
Mas não sei bem.
Não gosto de tempestades e por isso também não gosto de desgraças humanas.

Uma boa semana.