quinta-feira, 10 de abril de 2008

LIMPAR AS RUAS


LIBERTEM O TIBETE !





Os gregos, que segundo Indro Montanelli, (*), formavam "um país de manias", suspendiam as guerras quando chegavam as Olimpíadas.

O primeiro é sempre o primeiro e Píndaro, (**), devia urdir os seus hinos em honra dos atletas e dos seus impávidos louros.

Agora, na China, o que estão a fazer é acelerar as guerras para que não estorvem o desporto, ou seja, matar mais depressa, para que não se confundam as crónicas de guerra com a s crónicas desportivas.

Mais a mais, para turista ver, estão a "limpar as ruas de indesejáveis".

A Amnistia Internacional denuncia milhares de pessoas - há quase tantas pessoas, como pessoas chinesas - estão presas em centros de reeducação.

Todos sabemos o que consiste em reeducar.

Trata-se de induzir verdades incontrovertíveis que ninguém, salvo uma pequena parte da população, acredita que estão certas.

O mais estranho é que se deseje sempre ocultar os pobres.

É necessário um polícia para cada mendigo.

Em Portugal de elástica democracia, (como em muitos outros países), mascaram-se os mendigos por um procedimento melhor: encerrando-os ou enxotando-os, quando chega algum hóspede ilustre.

Também não é conveniente mostrar alguns descampados, ou casas e fábricas abandonadas.

Colocam-se grandes taipais para que não se possa ver, nem os necessitados, nem o entulho.

Todo o mundo vive das aparências, já que isso é compatível com o receio delas.

No final, quem mais trabalha, nestas épocas históricas são os encarregados dos serviços de limpeza.

Segundo as notícias, registaram-se 180 denúncias de violações, do direito de informação.

O que queriam os hóspedes?

Que lhes programassem excursões ao TIBETE?

A imagem que transmite um país acaba por ser o país, já que só há tempo de ver a sua representação.

São outras as medalhas que querem pendurar os organizadores, daí que as tenham sempre no escaparate e na farsa destes grandiosos eventos.

Aqui, ali, além e em Pequim !!!


2 comentários:

mac disse...

É por estas e outras que eu sou a favor do boicote aos Jogos. Estava mais que claro que iria-se proceder a uma operação de cosmética. Estavam muitos iludidos aqueles que pensavam que, a presença de estrangeiros iria ajudar a descobrir as verdades da China...

xistosa disse...

mac

Aqui, em nossa "casa", também se faz o mesmo, escondem-se os pobres e pedintes.
É em todo o lado ...
Só que na China e noutras chinas, o problema é a falta de democracia TOTAL e, os poderosos não boicotarem os Jogos, como já se fez na ex-URSS.